Caminho das Tropas

O Primeiro Tropeiro

Autor desconhecido

Em 1931, o fildalgo português Cristóvão Pereira de Abreu prepara um grande empreitada. Retifica o traçado e parte com a primeira tropa de 3 mil mulas e cavalos para Minas Gerais. Estava inaugurado o ciclo do tropeirismo no Brasil. Depois foram abertos outros caminhos, como o da Vacaria dos Pinhais, que corria pelo norte do Rio Grande do Sul até Bom Jesus, local de entroncamento com o Caminho de Viamão. Cruz Alta abrigava grande invernadas. Era ponto de parada e descanso das mulas arrebanhadas na região missioneira ou contrabandeadas na bacia do Prata, onde os tropeiros paulistas as buscavam. Em meados do século 19, eles passaram a viajar também por outra rota - o Caminho de Palmas (ou das Missões) -, encurtando a distância e o tempo de viagem.

 

Home Page

IHGGI - Instituto Histórico, Geográfico e Genealógico de Itapeva